Tag Archives: Cuba

Uma revolução que vale mais que a liberdade individual

Não mexerei um palito pela blogueira cubana, diz Fernando Morais. No Fórum Social, jornalista e escritor especialista em Cuba diz que ajudar Yoani Sánchez é ficar contra revolução. Segundo ele, conquistas sociais do regime importam mais que liberdade para criticar, o que só interessa ao ‘inimigo’ EUA. Cético com política externa americana,

in Correio do Brasil de 27/01/2012

Nota:  Yoani Sánchez na Wikipedia; o blogue Generacion Y de Yoani Sánchez

Santa aliança

O Presidente iraniano apelou, em Cuba, a uma “nova ordem mundial” baseada na justiça, face à “decadência do capitalismo”, que se encontra, segundo Mahmoud Ahmadinejad, “num impasse”.

Como dizia me dizia em tempos o Fernando Gabriel, qualquer dia os EUA acordam com mísseis Shabab com ogivas nucleares no seu “quintal”. Adivinhem para onde estarão apontados?

China, Cuba, Droga e Milícias

“Four Things You Need to Know about Venezuela” de Jaime Dareblum (PJ Media)

Um assassínio

O dissidente cubano Juan Wilfredo Soto García morreu este domingo, em Santa Clara, aos 46 anos, três dias após ter sido agredido pela polícia, anunciou o dissidente Guillermo Fariñas, Prémio Sakharov do Parlamento Europeu, que qualificou a morte como “um assassínio.”

Em Portugal, os defensores declarados da ditadura cubana recolhem 10% das intenções de voto. Muitos mais exibem orgulhosamente t-shirts de Che Guevara e dizem admirar os seus ideiais.

Os amigos são para as ocasiões

As reacções do PCP, Hugo Chavez e Cuba à nomeação de Liu Xiaobo para o Prémio Nobel da Paz.

Lágrimas de ditador

“Thanks, Fidel, but you’re 50 years too late” de James Delingpole (Daily Telegraph)

It’s nice, obviously, that the cigar-smoking beardie has finally had the grace to acknowledge the error of his ways. But shouldn’t he have worked this out 50 years earlier, and spared the poor Cuban people a heap of communist misery?

O modelo economico cubano “já” só funciona para exportação

Ao mesmo tempo que, numa entrevista à Atlantic, o ditador cubano admite que o “modelo económico cubano” já (*) não funciona o proto-ditador venezuelano adopta uma medida usada em Cuba ao introduzir um cartão de racionamento electrónico eufemisticamente chamado “Cédula del Buen Vivir”.

(*) O “já” é precioso. O susposto modelo económico cubano apenas “funcionou” enquanto foi subsidiado por razões propagandisticas pelos soviéticos.