Uma (meia) vitória da liberdade de expressão

Na passada Sexta-Feira, o ministério público holandês concordou em retirar as queixas de incitamente ao ódio e discriminação que pendiam contra o deputado Geert Wilders. No entanto, esta decisão terá de ser ainda confirmada pelo juíz que ainda o poderá condenar a uma pena de prisão ou ao pagamento de um multa. A liberdade de expressão continua em julgamento na Holanda.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentários

  • miguelmadeira  On 20/10/2010 at 20:57

    Penso que o que seria mesmo uma vitória da liberdade de expressão era o MP continuar com a acusação mas o juiz declará-lo inocente (isso seria uma afirmação que ele teria o direito de dizer o que quer). Pelo contrário, não ser condenado porque o MP retira a acusação tem um pouco aquela carga de “olha, tu podes dizer o que queres porque nós, a acusação, decidimos deixar-te dizer o que queres”.

Trackbacks

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: