Ed Miliband

“Ed Fabius Miliband Maximus” de Fernando Gabriel (Gerontion)

[A] descrição de Ed Miliband como um representante do sindicalismo trabalhista não é coerente com o seu currículo político. É verdade que é um protegido de Tony Benn e de Neil Kinnock, o que lhe assegura impecáveis credenciais junto da ala sindical do partido. Por outro lado, é também um ex-aluno da LSE, o berçário intelectual da Fabian Society, onde, aliás, fez questão de apresentar a sua candidatura à liderança trabalhista. Além disso, na passagem pelo governo de Brown, Ed Miliband distinguiu-se pela defesa de um amplo programa de acção política a pretexto das “alterações climáticas”, um exemplo claro de racionalismo fabiano em acção. Isto significa que a caracterização de Ed Miliband com base na oposição dual entre sindicalistas e intelectuais é inconsistente: o novo líder trabalhista usou a sua “filiação” ideológica no movimento sindical para estabelecer uma base de apoio interna, mas conquistada a liderança partidária não é forçoso que prossiga uma agenda típica dos anos 70: tal como Harold Wilson, é possível que faça uma vénia circunstancial à extrema esquerda sindical, sem necessariamente comprometer o centro esquerda, vital para a elegibilidade nacional. Pode até combinar o estatismo que proporciona empregos à elite trabalhista nas organizações governamentais prestadoras de “serviços” que interessam sobretudo aos prestadores, com uma nova agenda de regulação de mercados que transfira poder negocial para os sindicatos. Daí que o alivio de alguns conservadores perante a eleição de Ed Miliband seja, no mínimo, prematuro. Quem programou a execução política do irmão David com a frieza e o método com que Ed o fez, será certamente um líder temível da oposição. Acresce que a coligação que apoia o governo de Cameron não é indestrutível e os tempos são propícios a demagogos: Ed Miliband pode muito bem provar a Blair, um dos mestres da demagogia, que está enganado.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: